Desde o lançamento de uma operação contra a imigração ilegal, em Julho, foram deportados de Istambul 42.888 imigrantes. Segundo as autoridades da província de Istambul, estes imigrantes ilegais foram presos e enviados para centros de detenção para serem expulsos do país.

Em Julho, o ministro do Interior Süleyman Soylu afirmou que o objectivo do seu Governo era expulsar da Turquia 80.000 imigrantes ilegais antes do final do ano.

Esta medida visa responder à crescente insatisfação da população turca em relação à presença de milhares de imigrantes no seu território.